Notícias, notícias, notícias...
(e o garoto vai jogando o jornal de casa em casa e andando torto de bicicleta no meio da rua)

Depois de muita tempestade, o tempo fica cinza, em seguida vem o frescor, e depois vem uma brisa gostosa que lambe seu rosto. Às vezes volta a trovejar de novo, sabe? Mas o tempo vai ficando mais claro há cada instante.

E eu tenho um monte de gente pra agradecer, gente da minha família que nem no Brasil mora, mas sinto como se morasse aqui do lado, afinal habitam em meu coração e ela sabe que eu falo dela; dizer obrigada também a minha irmã Nayara, que pasmem, acompanhou parte do processo no hospital, a parte leve da indução, via webcam, ao vivo (han?). Queria poder segurar a mão de uma pessoa linda que conheci pela net, por aqui pelo blogger, e foi como encontrar uma amiga de infância perdida (...) Às vezes ela parece aquela amiga mais adulta da turma, sabe? Que diz "não-não-e-não" e eu escuto mesmo, afinal ela sabe mais que eu e eu sempre fui uma pessoa obediente. Deveria poder beijar e abraçar todo mundo que me deixou recadinho carinhoso - se vcs soubessem como isso faz bem, isso deveria ter como ser retribuído! -. Sem falar nas pessoas que choravam, literalmente, comigo pela volta do meu anjinho ao Pai. E é claro, dar aquele muito obrigada, ao meu Pai, e ao meu marido que, por sinal, tem pavor a sangue - ele desmaia gente!!! - e se superou de uma forma que nunca pensei que ele fosse capaz, ficando ao lado da mulher dele, num quarto de hospital, forte como uma roxa, enquanto eu urrava de dor e nosso sonho ia embora durante uma madrugada que parecia nunca terminar.

Mas terminou gente, tudo termina e tudo passa, de verdade. É claro que tem hora que eu ainda me sinto uma cáca (minha afilhada ama esses vídeos, vai entender!), mas a gente era porquinho, mas já sabia se cuidar... E na segunda-feira passada teve volta a G.O. depois da curetagem e fisicamente eu tô uma Coca-cola geladinha, tinindo de boa. Mas que a mente, é claro, estava uma m... Me pediu pra fazer terapia. Mas assim, terapia nunca foi uma coisa que fizesse grande diferença na minha mente. Já fiz em outros tempos de vida, a mais longa quando mamãe faleceu e eu fiquei bulímica. Mas ok, como já disse, sou obediente, vou marcar e vou.

Na próxima sexta-feira também tem Dr. Pedro - vcs ainda lembram dele? -, pois é, meu cirurgião da Gastroplastia, afinal a operação já completou 2 anos no último dia 14 e eu nem tinha me lembrado e é chegada a hora de repetir todos aqueles exames e tomar a injeção de B12.

Bem, e continuado sobre o que a minha G.O. falou, entre outras coisas, ela disse que no próximo ciclo, se eu quiser, já posso até tentar de novo (opa!), mas tem um pagodizinho que diz assim ❝Deixa acontecer naturalmente, eu não quero ver você chorar. Deixa que o amor encontre a gente, nosso caso vai eternizar...



(escuta  aí em cima)


Então, tudo vai acontecer quando tiver que acontecer, sem intromissão minha, da chuva, ou de simpatias. A mãe natureza proverá! E eu estou começando a sentir cócegas na barriga com a data do casamento civil chegando mais perto (houn...) e feliz porque outros planos surgiram, e são planos legais cara, não aqueles como o do Cebolinha que sempre dão 'elado'... Tudo, tudo vai dar pé!!!

Ah, por falar em minha afilhada - falei dela lá em cima - ela, acabou de sair daqui, dormiu no meu colo mesmo quase não cabendo mais nele, está cada dia mais sapeca, ainda mama no peito, está falante e linda com 1 ano e 7 meses. Babem vocês também...

❝Aline, você ama Dinda?! — Amááá!!! — Quanto?! —
Muitchuu Dinda, muitchuu.❞
Dinda também te ama minha filhotinha de Deus, muito e muito.

Filho meu e meus futuros filhos,
essa é para vcs.

                                                                                                                                         Via You Tube.
Filho meu, sabe qual é a hora que sinto mais falta de vc?
Todas. Com vc eu nunca estava só.

E sendo sincera, mesmo com medo que um raio caia em minha cabeça, eu preciso virar essas página dizendo que acho injusto. Acho injusto mesmo tomar seis meses de Ácido Fólico, acho injusto mesmo amar, desejar, se preparar e, acima de tudo querer um filho e no fim, não ter. Enquanto tantas não querem e tem... Acho injusto  fazer alegremente a agenda da minha baseada na sua chegada e vc chega antes e vai em embora mais cedo ainda, sem que eu te possa te beijar.

Espero que vc saiba que eu te amei. Que apesar todas as minhas reclamações de enjôos, de azia... eu te amei e te amo. E eu me arrependo de não ter gostado dessas coisas, porque agora, eu preferia a azia a essa vazio.

Mas a vida segue. Ninguém tem muita paciência de ver lágrimas, mesmo que só se tenham passado oito dias e mesmo que estas venham de um sonho que escorreu pelas mãos. Então Mamãe resolveu retomar velhos hábitos muitos sadios não pirar tanto:

• Papai (seu Pai) me deu um teclado novo - o meu velho não tocava nem ❝Cai-cai-balão❞ mais - e depois de 10 anos sem tocar já saiu ❝Jesus Alegria dos Homens❞, J. S. Bahc e ❝My Way❞, Frank Sinatra em duas horas de treino;
• Mamãe finalmente vai voltar as aulas de direção, afinal, quem vai te levar para as consultas de pediatra, ao parquinho e as aulas de natação, né filhote? Papai trabalha muito e a gente pode cair na esbornea, só nós dois. Papai quando chegar no fim de semana a gente finge que passou uma semana bem chatinha, porque aí a gente sai para passear de novo, completos agora, igual a comercial de margarina. É, mas deixa a fatura do cartão cair que o comercial vira aqueles bem convidativos para usar o cheques-especial :)
• Mamãe também quer voltar a estudar, passar num concurso público bem fodão e e não viver o tempo todo de mesada, né? Désolé...

É meus óvulos - futuro babies - a mãe de vocês é piradinha, piradinha de amor por vocês e pelo gato do seu Pai, que é o homem da minha vida e que seja assim até que seja sempre assim. Combinado?

E Deus, numa boa, na fé... 
Sem muitos sustos mais em 2011, ok? 
Paz, amor, muito amor e bendito seja o fruto dos NOSSOS ventres também.



Que tal fazer algo diferente,
este ano, no Natal?

Sim, Natal!! Daqui a pouco ele chega, né gente? Que tal ir a uma agência dos Correios e pegar uma das 17 milhões de cartinhas de crianças pobres e ser o Papai ou Mamãe Noel delas?

Há a informação de que tem pedidos inacreditáveis. Tem criança pedindo um panetone, uma blusa de frio para a avó... É uma idéia. É só pegar a carta e entregar o presente numa agência do correio até dia 20 de Dezembro. O próprio correio se encarrega de fazer a entrega.







Imagina uma criança pobre, recebendo o presente que pediu ao Papai Noel...





Na vida, a gente passa por 3 fases:

★ a primeira, acreditamos no Papai Noel ★
★ a segunda, deixamos de acreditar ★
★ e a terceira, quando nos tornamos Papai Noel ★





7 dias. Como vc faz falta! 
E como se consegue viver de novo? Dói.
Respirar por UM SÓ é muito difícil.

Hoje acordei mais forte. Resolvi celebrar a vida do meu Francisco - sim, eu tinha quase certeza que era um menino - e agora estou me preparando para que ele volte pra mim. Perfumei a casa, fiz planos e tudo, tudo vai dar certo. Vamos sonhar e planejar, pois tudo, tudinho vai se concretizar!

A melhor coisa do mundo é chorar até as lágrimas secarem, dormir de tão cansada, e, depois que quase todo o luto se vai fica um topor. NUNCA VOU ESQUECER DO MEU PEQUENO, mas por ele e vou seguir, para nos dar uma nova chance de nos encontrarmos ainda nessa vida.

Um beijo da sua Mãe.
PS.: atualizei e finalizei a página da "Minha 1ª Gravidez".

Porque ficaria esquecido se estivesse fora do alcance da visão? Estou à sua espera, como num intervalo,
bem próximo, na outra esquina.

PS.: atualizei e finalizei a página da "Minha 1ª Gravidez".

Da perda. E depois como se achar?

Eu não iria aparecer por aqui nem tão cedo, sabe? Não porque eu esteja com raiva ou trauma, ou que me sinta mal ao ler as coisinhas da gravidez; é só que, simplesmente, eu estou numa fase introspectiva. Reavaliando tudo, renovando minha fé, me curando por dentro e por fora e tentando perder a mania de entrar na net e ir automaticamente a sites de compras de enxovais de bebê :)

Ah, mas eu também fiquei mega feliz ao entrar aqui e saber da gravidez da Carol, que engravidou no mês seguinte ao aborto e hoje já está com 12 semanas. Olha que coisa linda... Que benção!!!

Mas eu também não poderia deixar de agradecer os abraços, sim abraços... porque não foram simplesmente comentários, foram abraços bem apertados que recebi de cada uma de vcs. A Thais me deixou um lindo há pouco, entre tantos outros que vou agradecer um por um, não vão sentir ciúmes ou afins, porque eu não iria suportar (estou muito sensível esses dias), aos poucos eu vou dar um beijo na bochecha de cada uma de vcs que passaram por isso tudo comigo sem me deixar pirar, literalmente. Gosto muito de todas e todas participaram ativamente dessa gravidez. Meu bebê não era só meu, era de todas .

Quando eu sangrei um anjo me acolheu, quando eu 'pirei' teve um anjo na Alemanha que me fez pôr os pés no chão e assim vai. Obrigada por estarem comigo nos momentos alegres e tristes, saibam que sem vcs eu não teria passado por isso com tanta paz. Com lágrima, muitas lágrimas também, mas em paz.

Eu não gostaria de falar o porque de meu bebê ter falecido, até porque a biópsia ainda não saiu, mas acredito que foi por vias naturais mesmo, ele tinha três meses para passar aqui na Terra e passou. Como aborto foi retido eu tive que me internar no Hospital Memorial São José e a indução química começou as 17hrs da Terça-feira (16). Depois o que pareciam contrações - mas não sei ao certo se eram - começaram. Primeiro de 10 em 10min e por fim ficaram uma ligada na outra e mesmo assim o bebê não desceu. Dai, após 3hrs de indução, a saída foi ir para o bloco cirúrgico, as 20hrs.

A curetagem em si foi 'tranqüila', no fator dor; pois eu tomei anestesia a apaguei. Mas depois foram horas de dor infernal, pior do que das pseudo-contrações. Foi a dor da perda do meu filho e dor do soro com oxitocina tudo junto, mas lá pela meia-noite as coisas aliviaram e as 6hrs da manha chegou a copeira com o café da manhã. Eu comi, nem acordei Charles, levantei da cama só, empurrando o carrinho do soro, comi, separei minha roupa, tomei banho, sozinha também, e então chamei Charles, que finalmente dormia pesado, depois da noite de terror, tadinho... e eu disse: "amor, vamos pra casa!".

Charles e meu Pai foram as melhores companhia que eu pude ter, a noite meu Pai voltou para casa e Charles ficou fazendo massagem na minhas costas, me consolando, secando minhas lágrimas... e ainda dizem que príncipe encantado não existe, bem, o meu existe!

Nem eram 7hrs da manhã ainda, mas a médica me achou tão bem que me deu alta mesmo. Eu fiquei no andar da maternidade; nasceram até trigêmeos. Era lindo ver todos aqueles bebês nascendo, algumas mães até traziam os bebês delas para eu ver e me diziam: "próximo ano você estará aqui". E eu acredito! Logo estarei lá de novo, e dessa vez eu vou sair com o meu bebê no colo.

Obrigada por tudo, viu meninas? De verdade. Fiquem bem vcs também, eu sei que vcs ficaram tristes e que já gostavam muito do meu bebê, e isso me conforta. Ele foi amado por todos! Era um doce de criança mesmo..

Minha médica disse que eu já poderia engravidar de novo dentro de um 1-2 meses, dependo da biópsia do bebê. Mas eu não sei s estou pronta pra isso... Eu preciso me despedir do meu primeiro filho primeiro.

Quando eu digo que 'ele vai voltar' me refiro ao Bebê-Docinho. Todos os meus filhos serão Bebês-Docinhos, mas o meu... o meu primeiro sempre vai faltar. Eu sei que ele está bem. Eu sei que ele foi amado e era isso que ele precisava. E eu preferia assim mesmo, que ele fosse sem dor. Sempre sentirei saudades dele dentro de mim... Foi a época mais linda da minha vida. Mas outras também virão...

Se não for hoje, um dia será. Algumas coisas, por 
mais impossíveis que pareçam,  a gente sabe,
que foram feitas pra um dia
 dar certo, né?

Bonjour mes amis. Acabei de receber alta do hospital, agora vou tomar um banho, lavar minha alma e dormir um pouco. A noite foi péssima... muita, muita dor (física e no coração) depois da curetagem. Mas queria AGRADECER o apoio que vcs deram a mim e a minha familia, sou abençoada por ter vcs em minha vida e por ter tido meu anjo por esses meses. Por enquanto eu vou ficar no meu cantinho, quietinha. Doer, dói... Mas quem ama cuida, deixa ir e continua a amar!!!

Até a próxima. Nos próximos dias eu vou descansar um pouco, me cuidar e assim que puder eu volto. Estou bem, Deus acolheu minha dor e me confortou, Ele está com meu bebê e um dia ele volta pra mim.

Voltei, mas voltei sozinha...

O sonho de ser Mamãe foi adiado, meu anjinho voltou para o céu. Tive você em meu ventre por quase três meses, foram três meses de muito amor e acho que foi disso que você precisava, de amor. Volte ao Pai meu Bebê-Docinho e quando sentir saudades de nós, volte pra cá, estaremos esperando por você.

Se não for hoje, um dia será. Algumas coisas, por mais impossíveis que pareçam, a gente sabe, que foram feitas pra um dia dar certo, né? Um dia dará...

...e nessas horas, apesar de dizer que voltei só, é que noto o QUÃO mão só estou: Deus é perfeito e amigos são amigos mesmo!

Precisa dizer mais alguma coisa?!

Via Twitter.

Ah, e só pra registrar que Bebê-docinho(a) vai ter Bisa-Vó-boa-drasta. Isso mesmo, o Bivovô paterno é casado com a Bisa-Vó-boa-drasta e ela é super prendada, acho que é dom de Deus mesmo, em trabalhos manuais como ponto de cruz, crochet. Dai ela disse hoje: compre as fraldinhas de boca e me dê que eu vou colocar biquinho em todas elas. Nem amei, né?! Valeu Bivovó!!!

Receita: Cuscuz Recheado!

Faz tempo que eu não coloco receitas aqui, isso se deve ao fato que Charles tem cozinhado bem mais que eu. Ele agora está numa fase muito gourmet, testa novas receitas e tem satisfação por me ver comer. Mas, eu tenho essa receita que gosto muito e vou compartilhar com vocês.

Cuscuz Recheado

Normalmente as pessoas fazem o cuscuz recheado com um cuscuz já pronto, o meu não é assim, ele cozinha com o recheio dentro o que faz que tudo pegue o gostinho maravilhoso do recheio.

Ingredientes:

1 material para um cuscuz, eu gosto da massa tipo flocão
1 lata de atum tradicional
1 tomate
1 cebola
1 pimentão
milho verde a gosto
ovos de codorna cozidos a gosto
Coentro
Alho
2 colheres de extrato de tomate
Azeite extra virgem
Temperos como: tomilho, alecrim, um pouco de curry....

Modo de Preparo: faça a massa do cuscuz e coloque a metade da massa na cuscuzeira. Reserve o restante.  Tire o óleo do atum, eu prefiro atum ao natural, mas fica ao seu critério. Corte o tomate, a cebola e o pimentão (como vinagrete) e o coentro. Coloque a cebola para refogar no azeite, quando ela estiver quase dourada adicione o alho, depois acrescente o tomate e o pimentão, o milho verde e o atum, juntamente com os temperos. Deixe tudo aromatizar um pouco e coloque o extrato de tomate. Com mais uns dois minutos vc coloca os ovos de codorna inteiros e pega esse refogado e coloca por cima da metade do cuscuz. Cubra esse recheio com o restante do cuscuz e leve ao fogo. O cheiro que fica nada casa é impagável! Bom apetite =)


Filho. Meu filho!

Meu bebê,


Segundo da DUM 7 semanas, pela USG 5 semanas.


você já é tão amado, tão querido. Antes de engravidar eu pensava fixamente em ter uma menina para encher de lacinhos, vestidos, tiaras e flufus, ter um versão de mim, saída de mim. Mas desde que fizemos você, a minha conclusão é que, eu apenas te quero. E muitas vezes fico pensando: "seria tão bom se fosse uma menininha" mas, imediatamente Mamãe pensa que gostaria muito mesmo de ter um menininho também, bem moleque, para vestir de mini-homem, um rapazinho parecido com seu Pai, te chamar de João Francisco e te levar aos jogos de futebol. Se bem que, eu fui menina e também sempre fui a jogos de futebol com seu avó, o Papai-Vovô Chiquinho. Toda a família, todos os nossos amigos estão tão felizes por vc já estar aqui; e quando eu digo todos, são todos mesmo. Eu nunca vi uma vida ser tão festejada, de verdade. Mamãe está totalmente apaixonada por você. Seu Pai nem se fala, ele sempre volta do trabalho com um presentinho para vc. Sempre um presente que remete o futuro, a relação que vocês vão ter no futuro, como livrinhos, cds de música que ele quer contar, cantar para vc e como vc já deve ter percebido meu filho, ele não aguenta e sempre abre os pacote e começa a ler histórias para vc naquele mesmo momento. Ah, você já tem dois casais de padrinhos, acredita?! Dinda Nayara e Dindo HelderMadrinha Aninha & Padrinho Sthephane, que vão vir de lá da França para te abençoar. São pessoas que já te amam tanto, mas tanto... E eu te digo filho, é bonito demais ver esse amor que você arrebata de todos, você emite muita luz bebê, muito amor. Você é especial demais. Eu sei que toda Mãe acha isso, mas saiba que de todas as coisas que eu fiz no mundo, de todas as coisas dais quais eu me orgulho, de todas elas, você é a mais perfeita. Você é o meu mundo agora! Na verdade, você é o meu Sol, meu horizonte e me sinto honrada de poder girar ao redor de ti, me sinto abençoada por poder gerar você e me sinto a mulher mais feliz do mundo só por saber que você existe, bem aqui dentro de mim.

Amor, Mamãe.


Ps¹.: quando eu chamo você filho não é porque eu tenha certeza de que você é um menino, é apenas a maneira que me parece mais correta de te chamar bebê. Na verdade, eu ainda não consigo ter uma opinião sobre se você será uma menininha ou menininho, fico tão confusa que as vezes penso que são bebês em mim... De certeza eu só tenho uma, a mais importante de todas, de que eu te amo incondicionalmente.

Ps².: nessa USG nós estávamos ainda com 5 semanas de gestação (hoje estamos com 6 semanas). Seu 'corpinho' microscópico já está trabalhou arduamente nessa semana criando a placenta, cordão umbilical e as bases de seu corpo. Você media um pouco mais de 3mm, tão pequeno e tão grande dentro de mim. A placenta ainda se desenvolverá e ela trará oxigênio e nutrientes para o você. Ao fim dessa semana, você também já tem um tubo neural (que será o seu sistema nervoso), notocorda e intestino primitivo (arquêntero). Você está alojado na parte superior do útero envolvido por uma bolsa cheia de líquido amniótico chamada de saco gestacional (como a imagem mostra), essa bolsinha te protegerá de traumas e infecções até a 12ª semana ou 3 meses. Mas Mamãe tem cuidado muito bem de você, não se preocupe, Deus está em nossas vidas e nada é maior que isso.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...