Agradecimentos e uma pequena ajudinha, pode ser?

depois de fortes emoções com a publicação da revista estou de volta... queria começar o post agradecendo primeiramente a todas as pessoas que por aqui passam, que deixam boas energias, que dizem que me acompanham tem tempo e tudo mais. eu sei que não posso agradar a todos, na verdade em nem tento agradar a todos - nem Jesus Cristo com toda a sua santidade conseguiu isso -, sendo muito sincera também um pouco chata; a pessoa que eu mais tento agradar sou eu mesma, afinal, sou a maior interessada, não é mesmo?! e depois, eu estando feliz farei feliz com mais facilidade a vida daqueles que me rodeiam. obrigada a todos pelas críticas, elogios, enfim, por tudo que li, vi e acompanhei, obrigada de verdade!

eu não tenho tido muito tempo de passar por aqui, minha vida está numa correria tão grande e eu não sei como mudei tanto, em tão pouco tempo, e não senti. se me dissessem há uns dois anos atrás que eu não iria mais ficar na net umas 8hrs por dia, que eu não dormiria mais a tarde, que eu não poderia e não gostaria mais de ficar acordada durante toda a madrugada eu acho que primeiro iria rir e achar que essa era a previsão mais furada de todos os tempos e depois eu iria querer cortar meus pulsos.

a internet já foi a minha vida, a madrugada também. por amor eu deixei isso tudo de lado, não que era 'essa vida descompromissada' ou o amor, nada disso! se fosse assim eu acho que nem teria dado certo. foi uma mudança leve, aos poucos, que fez total diferença em minha qualidade de vida. o amor que tenho por charles é um amor calmo, tranquilo, grande e seguro. daqueles que vc sente que é seu - isso existe?! -,nem que seja só por hoje, só por agora. mas o fato é que estou feliz como nunca pensei que seria, isso em surpreende todos os dias. o post de hoje nem era sobre isso sabe? mas digitando aqui, me vi escrevendo sobre isso tudo que estava preso em minha garganta, querendo sair, querendo ser falado e nunca havia sido.

essa semana eu amadureci 10 anos em 7 dias. perdoei quem precisava ser perdoado, virei inúmeras páginas, entendi outras tantas e cresci! isso fez melhor a mim do que um banho de loja ou um dia de princesa num salão de beleza. rejuvenesci horrores, tirei um monte de peso dos meus ombros e respeirei aliviada. e isso foi do nada, ou melhor, do tudo! do tudo que passei com charles esses dias...

não tem sido fácil, 'meu bixinho' está sofrendo igual a suvaco de aleijado, como se diz aqui em pernambuco. e eu ainda ajudo com a manha dele, ai diga que danou-se mesmo.

sabe o que é...? charles está no limite dele, ou seja, uma bomba relógio. eu tenho paciência, tento melhorar as coisas, mas o fato de ele já se sentir bem melhor é o fator complicante, porque ele se sente melhor, mas ainda não pode sair de casa, não pode comer nada - toma só caldos cremosos peneirados, aline come melhor, juro! - e não pode fazer nada além de ficar na internet e assistir tv. pense, tá o ó do borobodó mesmo...

ontem teve a comemoração do aniversário do pai de aline e do 6º mesversário da aline, né?! dai o bixinho ficou aqui em casa com papai e eu fui lá, rapidinho. a toda hora ele dizia antes de eu sair de casa: "traz feijoada pra mim..." eu sei que é brincadeira, mas toda brincadeira tem um fundo de verdade e eu sei também que ele sofre porque eu já passei por tudo isso.

no fim todos nós sabemos que isso tudo é mais que necessário, é obrigatório para a recuperação, mas eu fico com o coração na mão de vê-lo assim. vcs sabem que a gente - eu e ele - não paravamos muito em casa antes, vire e mexe vamos viajar, sair pra jantar, cinema... enfim, viver! e isso de ficar em casa, confinado tá acabando com ele. não sei o que faça!

e pra piorar na quarta-feira próxima (16) é aniversário dele. eu faço o quê?! liguei pra minha sogra, chamei ela pra vir pra cá, né? dai ele descobre e diz que não quer... que não quer aniversário... aquele blá-blá-blá todo! agora eu não sei se faço ou não? porque charles também tem disso: ele não gosta de festa pra ele! daí eu não sei se respeito a vontade dele ou se faço um bolinho que seja - se bem que ele nem pode comer nada, né?! - pra cantar parabéns.

na quinta-feira ele tem consulta com a nutricionista, vai mudar a dieta, eu espero que ele ao menos já possa mastigar alguma coisa, porque comida mesmo eu lembro que eu só fui comer com dois meses de operada, charles ainda vai completar um mês no dia 25... tem muito chão pra andar ainda. mas sem brincadeira; tô perdida. o que vcs acham que eu devo fazer?
1. chamo a sogra e a galera toda pra vir cantar parabéns pra ele na quarta, mas lembrando que ele não pode comer nada e vai ficar doidinho ao ver comida na frente dele.
2. respeito a vontade dele e não faço nada!
3. tento fazer uma comemoraçãozinha no domingo, porque na quinta-feira é provável que ele mude de dieta e vai que ele já pode comer algo melhorzinho.
enfim, ajuda aí que eu não sei o que fazer! por fim, eu estou pensando em fazer a vontade dele, todavia com uma pitada de que esse é o dia dele e que ele é muito, mas muito especial pra mim. me ajudem aí e me passem dicas lindas de presentes, ok?! ele ama livros, livros e livros... fica difícil, né!? mas é bem isso mesmo, ele adoooora livros.

e pra terminar, porque o post já está enorme, eu vou deixar aqui uns tópicos para o próximos post, que na verdade seriam o de hoje, mas o coração desceu pras mãos, foi pra pontinha dos dedos e escreveu o que estava dentro dele, falando mais alto que a mente. e pra mim, foi bom demais!

próximo post preciso falar sobre: balança e alimentação, incertezas da gastroplastia, ter filhos ou não, prática de esportes e como foi o aniversário de charles, é claro.



fiquem todas com Deus e deixo pra vcs umas fotos da minha afilhada - e uma minha com ela -, meu amorzinho que completou 6 meses no último dia 2, a aline! gente, ela já fica em pé segurando nas coisas, dá uns passinhos, dá 'tchau' e tudo mais... essa menina veio pra dar a luz a todos que estavam precisando, porque os últimos anos foram de extrema dificuldade para várias pessoas da família. alguns ficaram terrivelmente doentes, outros viram quem mais amavam partir, e ela chegou para dizer a todos que a vida continua e que é bela sim, aline é a continuação da vida. é a continuação de nós mesmo, a nossa contribuição para o futuro! vejam as fotos e os vídeos no youtube, ok?! beijos e tenham todas uma linda semana.

3 comentários:



Priscila disse...

Olá querida,
Desculpe a demora em responder.. Parabéns pela revista e por estar já na sua meta. Ai que sonho!!!! :)

Muita força ao seu amore neste momento... o pós imediato a gente sabe que é mesmo complicado.

Fé!

Beijo

Carmine disse...

Oi querida!
Olha,se eu fosse vc,faria o nº2...ops,não é aquilo não,kkkkk
Já que o níver é dele,acho que vc deveria fazer o q ele quer.Se é muito sofrível pra ele ver os outros comendo,deveria evitar.Vcs terão muitos e muitos nívers pela frente...
No meu 1º níver pós-gastroplastia,minha mãe me deu uma cesta de café da manhã feito por ela mesma,só com coisas lights,foi bem legal.Mas eu já podia comer,né?
Sobre os livros,ele já leu A cabana?É bem legal...
Bjs!

Carmine disse...

Ops,deixei um selinho pra vc no meu blog...espero que goste...
Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...