como qualquer ser humano tem dias que você acorda super bem, feliz, se sentindo a pessoa mais abençoada do mundo e a noite tudo parece diferente: e hoje foi bem assim! acordei por voltas das 5:30Hrs com uma bruta de uma cólica intestinal, mas sem nenhuma vontade de ir ao banheiro. essa dor que eu sinto é antiga, ela é bem perto do pubis, sendo mais em cima, no fim da barriga mesmo, sabe? e quando ela ataca às vezes eu fico sem ação de tanta dor, como hoje! e tudo porque eu me achei melhor e não tomei o pantazol (remédio que o médico mandou tomar por 6 meses para controlar a gastrite e o fluxo de bile no organismo), olha, eu juro que nunca mais esqueço de tomar o bendito! a dor só passou com 30 gts de dimeticona + 60 gts de buscopan composto, guando melhorei tomei o pantazol e as 6:40Hrs eu já estava no quintal brincando com barbie (foto ao lado). nossa, e apesar da dor eu acordei tão, mas tão feliz. liguei logo cedo pra charles ♥, atualizei o fotolog, tentei comentar e visitar todos os meus amigos de lá, mas nem deu, o tempo voa. só fico triste porque muitas pessoas acham que eu não as visito porque as esqueci ou coisas no gênero, mas não é! é, simplesmente, falta de tempo. tomei café da manhã por volta das 9Hrs, comi acerola que tirei do pé que tem aqui e pitangas também colhidas na hora, além de um pouco suco de melancia. meu café da manhã é sempre assim, dando uma volta no quintal daqui de casa e colhendo frutinhas :) ah, e depois de 15 dias sem ir a aula, hoje eu dei as caras na universidade. nossa o povo endoidou quando me viu. todo mundo achou que eu já tinha operado - lembram que a cirurgia era dia 28/10 e foi adiada?! desde então não tinha ido lá com crise de NASH (fígado) -, mas expliquei que a cirurgia tinha sido adiada pro dia (14/10), só espero que passe logo! quer queira, quer não estou com os nervos a flor da pele por causa da cirurgia e tudo mais; só em falar em 'dreno' e 'sonda' meus cabelos ficam em pé! ai, meu pai... mas então, eu fui a aula, voltei de onibus com meu amigo felipe, conversando besteira sobre a universidade, de como vamos sentir falta das palhaçadas diárias na sala de aula, mas também como não vemos a hora de sairmos de lá formados. quando cheguei em casa jantei uma manga (humm) que tinha comprado ontem no extra, era uma manga rosa, bom demais da conta! daí, conversa vai e conversa vem com papai aqui em casa eu explico a ele que queria tirar mais um $$ dos meus recursos para poder pagar um apartamento no hospital; e não a enfermaria que é o que o plano cobre. nisso ele veio dizer que eu "deixasse de invenção, que eu sempre queria mais...". mas pow, o que é querer mais?! se querer for ter um quarto só pra mim no hospital para ter privacidade, haja vista que vou usar sonda e dreno nos primeiros dias, se for isso, eu quero mais siiim! porém, eu sou daquelas filhas que todo pai sonha. por exemplo, se papai me olha estranho eu já baixo a cabeça e obedeço, mas de uns tempos pra cá estou tentando mudar isso, tentando impor o que quero e ficar feliz com isso. porque muitas vezes eu até imponho minha vontade, mas não fico alegre, me sinto culpada... ah, cara, sinceramente eu não acho que eu esteja errada dessa vez não! tudo bem que são $750 reais, mas se eu conseguir, qual o problema?! bem, vamos ver como as coisas se resolvem, né?! e para dar sentido ao post de hj, a moral da história é que eu acordei feliz e vou dormir com uma frase martelando na cabeça: "deixe de invenção!" mas enfim, eu devo deixar de invenção ou não?!

PS¹.: gostaria de agradecer a presença da laura aqui no meu blogger, adorei saber que você me achou do 'nada' e foi ficando, acompanhando. espero que fique sempre a partir de agora, viu?! carinho, bi.

PS².: hoje a minha gata siamês nastia deu cria a seis filhotinhos (três pretos e três brancos), estou um pouco preocupada porque parece que ela tem pouco leite, alguém sabe alguma receita para aumentar a quantidade de leite dela?!

0 comentários:



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...